São iguarias que crescem nos campos de forma espontânea. Fazem parte da gastronomia local desde tempos idos, sendo uma parte importante da identidade gastronómica e cultural destas terras do sul. Tempos de mingua atenuados pelo engenho das gentes mais humildes que de ervas selvagens e um pouco de pão fez sopas, açordas e migas. O saber colher na natureza e o saber fazer na cozinha resultam da transmissão de conhecimentos intemporais que atravessaram a memória de várias gerações. Hoje são iguarias de sabor único que chamam muitos a terras do Alentejo.

Espargos Silvestres
Os espargos silvestres (Asparagus lenuifolius) são de apanha difícil. Protegidos pelos espinhos das esparragueiras, requerem mãos treinadas e olhar apurado. As esparragueiras crescem em terrenos incultos, terras por lavrar, encostas do rio. Para os apanhar não é preciso ter pressa. Encontram-se idealmente entre janeiro e março em anos de boa chuva. Na mesa, tradicionalmente, servem-se envoltos em ovos ou em migas de pão.

Cogumelos
A apanha é coisa séria e não é para qualquer um. Quem sabe apanha-os junto a troncos/raízes de azinheiras, sobreiros e matos de esteva. Por estas terras podem a espécie mais comum é a Amanita ponderosa conhecido por silarca ou tortulho. Apanham-se depois da chuva nos inícios da primavera. Por cá cozinham-se com ovos ou grelhados com uma pedrinha de sal.

Túberas
Conforme a zona do país são chamadas de túberas, tubras ou criadilhas (Terfezia spp). São trufas brancas, fungos que crescem silenciosos junto às raízes de estevas e sargaços. Apanham-se entre fevereiro e março depois das chuvas. Mas é preciso ter olho, ver a terra gretada e cavar na superfície para encontrar o tesouro. O preparo na cozinha é laborioso, há limpar a terra que teima em se agarrar aos seus contornos sinuosos. São deliciosas, de aroma subtil e textura única. No prato fazem-se mais uma vez com ovos mexidos e migas, mas depois há as sopas de túberas que deixam perplexo qualquer comensal.

No concelho há vários restaurantes, casas de pasto e tabernas que oferecem pratos com estas iguarias, em particular, os espargos silvestres e as túberas.

Conheça a oferta de restaurantes aqui